sexta-feira, 17 de abril de 2015

Mais Filmes Que Prefiro Aos Livros

Oi, gente!

Hoje eu resolvi escrever a segunda parte do post Filmes Que Eu Prefiro Aos Livros. No universo literário a maioria das pessoas tem essa crença de que o livro sempre é melhor que o filme. No entanto, existem sim algumas vezes em que a adaptação cinematográfica nos satisfaz melhor do que o livro de origem.

O DIÁRIO DE BRIDGET JONES


Originalmente um livro escrito por Helen Fielding, O Diário de Bridget Jones virou filme em 2001. A comédia romântica conta uma história com um plot bem parecido com o de Orgulho e Preconceito: Bridget é uma mulher solteira, que se vê entre dois homens que se odeiam por algum motivo que ela desconhece: seu chefe charmoso, Daniel, e um conhecido da família com quem ela costumava brincar quando criança, Mark Darcy (olha a referência aí). Bridget e Darcy não se dão muito bem de início, mas aos poucos vão percebendo que gostam um do outro.
Eu já tinha ouvido dizer que o livro deixava a desejar, mas como sempre adorei o filme, eu quis dar essa chance. E descobri por mim mesma que esse livro é muito chato e os personagens são bestas e irritantes. Eu até cheguei perto de acabar, mas então me dei conta de que estava perdendo meu tempo com aquilo, enquanto poderia estar lendo outros vários livros que eu tinha muito mais vontade. Abandonei, não me arrependo e não indico.


O DIABO VESTE PRADA


Escrito por Laura Weisberger, O Diabo Veste Prada foi adaptado para os cinemas em 2006. No filme conhecemos Andrea, recém formada em jornalismo, que procura desesperadamente por um emprego na área. No entanto, o que ela consegue é a vaga de assistente de diretora de uma revista de moda, a Runway. Andrea não entende nada de moda, mas se empenha em seu trabalho - quase um inferno, por causa de sua chefe extremamente exigente -, pois a diretora Miranda é muito influente no mundo editorial, o que poderá abrir portas para ela no futuro.
Eu simplesmente adoro esse filme, é um dos meus preferidos e revejo quase sempre. Também já tinha ouvido dizer que o livro não era tão bom quanto o filme, mas novamente quis ver com os meus próprios olhos. E vi, pelo menos metade do livro. No começo eu estava gostando, mas depois ficou tão enfadonho e repetitivo, que eu não hesitei em largar. A história sofreu algumas boas mudanças quando adaptada - ainda bem - e ficou muito mais interessante.


A MULHER DE PRETO


Eu demorei para descobrir que essa história era um livro escrito por Susan Hill. O filme, de 2012, com Daniel Radcliffe, me atraiu de cara, pois eu adoro filmes de terror com essa pegada clássica: um espírito assombrando uma casa. E o final do filme é, de fato, surpreendente.
Quero deixar claro que não achei o livro ruim. Ele é bom em nos fazer sentir a tensão das situações e embora seja curto e a história até bem simples, é gostoso de ler.
Porém houve algumas mudanças do livro para a adaptação, que ao meu ver deixaram a trama mais instigante. Enquanto no livro temos um homem contando um caso sinistro da sua vida, no filme nós acompanhamos o desenrolar de tudo, com mais mistérios e acontecimentos. O filme nos envolve mais e é mais completo. De qualquer forma, eu ainda indico a leitura, pois é um livro bom - mas o filme é melhor.


VIAGEM AO CENTRO DA TERRA


Viagem ao Centro da Terra é um livro escrito por ninguém menos que Júlio Verne. A adaptação a qual me refiro aqui é a de 2008. Primeiramente eu assisti ao filme e, por ter gostado, tive interesse pelo livro. Eu estava muito empolgada para ler, mas acabei me decepcionando.
A base da história continua a mesma, porém muita coisa foi mudada. O livro é ambientado no século XIX e o foco é Axel, o garoto que vive com o tio, professor e pesquisador na área de geologia, Otto Lidenbrock. Seu tio possui uma personalidade muito característica, formada por um entusiasmo grandioso pela ciência e certa antipatia. Axel muitas vezes ajuda o tio nas pesquisas, pois se interessa pela área. Já no filme, temos um cenário atual. O foco é no professor, que possui uma personalidade muito mais relaxada. Seu sobrinho não vive com ele, apenas o visita por um tempo e os dois não se dão tão bem. Em ambos tio e sobrinho acabam viajando à procura do caminho para chegar ao centro da Terra.
O que eu não gostei no livro foi que o achei muito repetitivo, com inúmeras caminhadas e cenas que duravam tanto tempo que deixavam de me interessar, e muitos termos científicos; para um leigo no assunto, é um pouco difícil de acompanhar direito. O filme traduz tudo isso de uma forma acessível para qualquer pessoa e é bem mais dinâmico.


E vocês, o que acham desses filmes e livros? Qual filme que vocês acham melhor que o livro? Comentem! (:

8 comentários:

  1. Amo O Diabo Veste Prada, mas nunca senti a necessidade de ler o livro, acho que pelo filme ser excelente. Não gosto muito de O Diário de Bridget Jones, já acho o filme bobo e chato, imagine o livro hahaha
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, você morreria lendo então HAHAHAH
      Ah, eu sempre tenho curiosidade de saber como é a história escrita, como o autor pensou, o que mudou pra adaptação... Eu vivo da minha curiosidade, né. hahahaha

      Excluir
  2. Concordo com sua lista! O Diabo Veste Prada e O Diário de Bridget Jones são os que mais gosto dela (lista). Às vezes a adaptação fica melhor que o livro, raramente, mas acontece. Não tenho preconceito quanto a dizer ''achei o filme melhor'' como muita gente tem, às vezes acontece haha! Adorei o post. Beijos

    http://anneandcia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, também não tenho esse problema não. Na real eu acho a galera meio chata quando se trata de filmes; essa mania de sempre achar o filme uma bosta porque não está idêntico ao livro me irrita hahaha
      Obrigada pelo comentário (:

      Excluir
  3. Não li os livros dos quais esses filmes foram adaptados, então não tenho uma base muito boa para comentar; mas gosto muito dos três filmes da lista que já assisti - O Diabo Veste Prada, A Mulher de Preto e Viagem ao Centro da Terra.
    Ainda pretendo ler pelo menos um dos livros do Verne, mas talvez comece por Vinte Mil Léguas Submarinas (um amigo me falou que é o melhor, estou confiando haha).

    http://discodivinil.blogspot.com.br/

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Confesso que depois desse eu perdi total a vontade de ler outros do Verne. Mas depois espero que faça resenha lá no teu blog, pra eu saber o que achou! (:

      Excluir
  4. Assisti A Mulher de Preto com minha mãe recentemente e não gostei muito não. Gosto de terror, mistério e história com fantasmas mas esse não me convenceu muito; talvez até pelo personagem principal que achei bem meia boca. Não li o livro e nem tenho vontade.
    Não li O Diabo Veste Prada mas AAAMO o filme, sempre que pego ele passando na tv paro pra assistir um pouco :D

    http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu adoro filme de terror, mas sinceramente a maioria é beeeem trash. Eu achei esse muito bem feito, a história e tudo o mais.
      Eu também amo, sempre que quero ver algo, mas não sei o que, acabo colocando Diabo Veste Prada. E eu SEMPRE me divirto! hahahaha

      Excluir