terça-feira, 29 de julho de 2014

A Elite de Kiera Cass


Avaliação: ☆ | 360 páginas; Editora Seguinte

Apesar de todos os pontos fracos, A Seleção conseguiu prender minha atenção. Portanto assim que terminei, comprei os outros dois livros da trilogia e li logo quando chegaram.
De repente decide-se que está na hora de formar a Elite, o grupo restante de apenas seis garotas que continuarão na disputa pelo coração do príncipe e a coroa. Nesse livro surge um pouco do que eu senti falta no primeiro: a competição em si entre as meninas. Apesar de ainda não fazerem muitas coisas, há um teste principal pelo qual elas tem de passar, que é bem interessante.
No entanto continua muito claro a visão ingênua que a autora e, portanto, a America tem; não só as revoltas e as guerras são mal elaboradas, como também o governo e mesmo as medidas em prol de uma melhoria no país são simples demais e até mesmo utópicas.
America está ainda mais sem controle; faz o que quer, quando quer e porque quer. É algo divertido e até admirável, se ela não extrapolasse tanto. É um pouco forçado que ela consiga tudo do jeito que quer, como se o palácio já fosse dela. Em alguns momentos suas revoltas são sem causa, o que a torna apenas uma garota chata. Ela compra briga sem ao menos ter uma opinião formada e pensada direito, e fui obrigada a achar justo o que lhe acontece no fim (apesar das reviravoltas, porque afinal ela é a protagonista, então ela tem sorte). Porém finalmente Maxon começa a se mostrar um pouco mais firme diante dela (devido ao temperamento e opinião do pai, eu diria, que é totalmente contra ela).
O romance é a única coisa que nos prende, mas ao menos faz isso muito bem. Há várias reviravoltas, que poderiam ser cansativas, mas não são. Apenas nos instigam mais a acompanhar a história e ver como tudo irá terminar (apesar de ser um pouco óbvio, né? Mas ainda assim é gostoso de ler hahaha).
Para ser sincera, a minha opinião sobre esse livro é exatamente a mesma que tive sobre o primeiro. Ouvi muitas pessoas dizerem que o livro que menos gostaram foi esse e não entendo o porquê, já que são muito parecidos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário